sábado, 23 de abril de 2011

Agente penitenciário mata filha de cinco anos, atira na ex-mulher, na amiga dela e se suicida em Uberaba no bairro Pontal

O fim de um relacionamento pode ter sido a causa de mais um crime passional em Uberaba, no Triângulo Mineiro, desta vez com a morte até da filha do casal. Segundo a Polícia Militar, um agente penitenciário da cidade saiu do trabalho na noite desta sexta-feira e passou na casa da ex-mulher. Após uma discussão com ela, ele matou a filha de cinco anos, atirou na ex-mulher e em uma amiga dela e em seguida se suicidou. Ao todo, foram mais de 20 disparos.

De acordo com a PM, inconformado com o fim de um relacionamento, o homem saiu do trabalho e foi direto para a casa onde a ex-mulher morava, no bairro Pontal, ainda com o uniforme da penitenciária em que trabalha na cidade. Na casa estavam a filha do casal, a ex-mulher e a amiga dela. Todas foram alvos dos disparos.

A criança chegou a ser socorrida com vida, mas morreu no hospital. A ex-mulher do agente penitenciário está internada em estado grave e a amiga dela passou por uma cirurgia e o quadro de saúde é estável. O suspeito morreu com um tiro na cabeça.

..::DEIXE SEU COMENTÁRIO::..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores