quarta-feira, 21 de maio de 2014

Caratinga - PM prende jovem suspeito de aplicar golpes

CARATINGA (MG) - Um dos suspeitos de participação em uma suposta quadrilha formada por estelionatários foi apreendido pela Polícia Militar. O fato foi registrado na rua Coronel Pedro Martins, centro de Caratinga, nesta segunda-feira, 19/05.

Todo o material apreendido foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, como cheques, documentos, mala e roupas. O veículo usado pelo suspeito era um Celta, placas Ferraz de Vasconcelos - São Paulo

Nos documentos pessoais do suspeito a dúvida. Afinal, foram apreendidas duas carteiras de habilitação com a foto de uma mesma pessoa, mas os nomes e demais dados diferentes. Segundo a Polícia o verdadeiro nome é Ercílio Fernandes de Almeida Júnior, de 27 anos, natural do Paraná. Já o documento falso traz o nome de Sergey Pereira, de 24 anos, natural de Londrina.

Conforme apurado pela Polícia, a suposta quadrilha tinha como alvo agências bancárias. O objetivo era conseguir talões de cheques de clientes, preencher as quantias e retirarem o dinheiro nos caixas das agências bancárias. De acordo com Capitão Walter, há a suspeita de que outros tipos de golpes tenham sido aplicados no comércio, repassando os cheques falsificados e até mesmo com o uso de cartões, fato que segue em apuração.

"Este grupo esteve na cidade na última sexta-feira e tentou aplicar golpes na cidade de Caratinga. Eles falsificam cheques para descontarem. Em uma das agências bancárias eles conseguiram uma requisição e com este documento conseguiram um talão de cheque de um cliente e preencheram um dos cheques no valor de mais de 2 mil reais e conseguiram sacar o dinheiro", relatou.

Há indícios de que o grupo tenha passado pelas cidades de João Monlevade e Ipatinga. A Polícia suspeita que o grupo seja oriundo da região do Rio Grande do Sul. A prisão de um possível integrante pode ser a peça chave para se chegar a outros envolvidos e desarticular o esquema. Para a Polícia, pelo menos cinco pessoas estão envolvidas e agindo na cidade e região. Os vários cheques apreendidos, dos mais distintos valores, foram encaminhados à Delegacia. O número de vítimas ainda não é possível precisar.

A polícia segue em rastreamento em busca de localizar os outros membros que também estariam aplicando golpes na cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores