segunda-feira, 1 de agosto de 2011

PM apreende drogas e armas de fogo e acredita que os materiais pertencem à “Lucinho” suspeito de liderar o tráfico em Caratinga

última modificação 01/08/2011 
Duas armas de fogo, três tabletes de maconha, crack e vários outros materiais que a polícia afirma que são de origem duvidosa foram apreendidos na casa de Warliton Marques de Almeida
Enquanto o suspeito de liderar o tráfico de drogas em Caratinga, Lucinho, era preso pela Polícia Militar, denúncias anônimas informaram que armas e drogas estavam sendo retiradas da casa do suspeito. Imediatamente a PM retornou a Rua Muriaé, onde o suspeito Lucinho morava em busca de averiguar as denúncias. A princípio a Polícia abordou Warliton Marques de Almeida de 19 anos. “Warliton foi abordado na rua. Ele estava com grande quantidade de dinheiro. Perguntamos a ele a quem pertencia aquele dinheiro e ele respondeu: “Ao chefe”. Então entendemos de que se trata de Lucinho, afirmou Sargento Ronaldo em coletiva à imprensa.

Já na casa de Warliton, a polícia encontrou duas armas de fogo calibres 32 e 38, várias munições, três barras de maconha pesando 2 quilos e meio cada uma, uma pedra grande de crack, uma pasta base de um quilo, quatro rodas de carro e vários outros materiais que a polícia acredita que são de origem duvidosa.

Warligton foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Segundo policiais ele não explicou a origem dos materiais encontrados em sua residência. Sargento Ronaldo afirmou que Warligton já tem passagens pela polícia também por tráfico e ressaltou que está já é a terceira vez que o homem conhecido como Lucinho é preso. A PM considera que essa seja a maior apreensão de drogas do ano.

Sargento Ronaldo também comentou sobre a possibilidade de uma das armas de fogo, apreendida nesta sexta-feira, ter sido utilizada em um crime de homicídio registrado recentemente. “Isso ainda será investigado. Mas há indícios”.


..::DEIXE SEU COMENTÁRIO::..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores