quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Empresa O Boticário é assaltada em caratinga

Empresa O Boticário é assaltada 

Crime registrado no início da tarde desta quarta-feira 

Segundo uma das vítimas, um homem entrou e se passou por cliente pedindo para ver um perfume. Quando a vendedora foi até a prateleira para mostrar ao suposto cliente o produto, ele anunciou o roubo e também rendeu outra funcionária que estava na loja. As vítimas relataram que o assaltante estava com algo na cintura simulando estar armado o tempo todo. O assalto contra a loja O Boticário, localizada à Rua Raul Soares, Centro de Caratinga, aconteceu por volta das 11 horas da manhã desta quarta-feira (12/02).

Depois de cometer o crime, o assaltante fugiu a pé pelo centro da cidade levando um perfume avaliado em R$ 104,00 e R$ 300,00 em dinheiro. As vendedoras também contaram que durante o assalto, o bandido se mostrava bastante agressivo e pedia para que elas não olhassem para o rosto dele. De acordo com a polícia, o autor do roubo vestia uma camisa gola polo de cor branca e uma calça jeans, e calçava tênis. O assaltante é de cor branca, tem cabelo castanho e aproximadamente 1,70 de altura. A polícia segue em rastreamento para tentar localizar o autor.

Abalo de terra na Grande BH assusta moradores e atinge magnitude de 3.15 graus

Os tremores de terra que amedrontaram moradores das cidades de São José da Lapa, Lagoa Santa e Vespasiano, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, na madrugada e manhã desta terça-feira, atingiram 3.15 graus na escala Richter, que vai até o nove. A informação é do Observatório Sismológico (Obsis) da Universidade de Brasília (UNB). Os abalos foram considerados de fraca intensidade. 
A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros estiveram nos locais atingidos para apurar possíveis danos, mas nenhum estrago foi encontrado.
De acordo com o Obsis, o tremor mais forte foi registrado às 1h57 da madrugada.

Fonte: Rádio Itatiaia

COMENTÁRIOS

Minas vai construir 11 presídios e contará com 5 mil novas vagas, anuncia governo

O governo estadual lançou, nesta terça-feira, na Cidade Administrativa, o Plano Mineiro de Humanização do Sistema Prisional. Durante o evento, foram anunciados editais para construção de 11 presídios e ampliação de outros quatro, que ampliarão em 5.485 o número de vagas prisionais. Serão investidos cerca de R$ 171,6 milhões em recursos do governo de Minas e repasses do governo federal.
Ao lado do vice-governador Alberto Pinto Coelho, o governador Antônio Anastasia falou sobre a importância da parceria entre as diversas esferas de governo e destacou a necessidade de criação de um pacto nacional de combate à violência. “Abordo a necessidade vigorosa, emergencial, de um grande pacto nacional de combate à violência, a favor da segurança pública, com participação das três esferas de governo e da sociedade civil. Tenho certeza que este tema será muito discutido ao longo deste ano e nós temos de lançar holofote sobre ele, porque temos, especialmente em razão das drogas disseminadas hoje, um agravamento da situação da segurança pública em todo o Brasil”, afirmou o governador.
Primeiros editais
Já nesta quarta-feira (12), serão publicados os editais de licitação para as seis primeiras obras, envolvendo a construção de presídios em Itaúna e Poços de Caldas e a ampliação de unidades de Alfenas, Itajubá, Divinópolis e Montes Claros, com criação de 1.740 vagas e investimentos de R$ 58,6 milhões, sendo R$ 46,1 milhões do governo de Minas e o restante do governo federal.  Os demais editais deverão ser publicados nos próximos 30 dias. O prazo de entrega será de dez meses após o início das obras.
O presídio de Itaúna, na região Centro-Oeste, terá 306 vagas. Será construído em terreno de 30 mil metros quadrados, doado pelo município. O novo presídio de Poços de Caldas, no Sul de Minas, terá 306 vagas. A unidade será construída em uma área de 50 mil metros quadrados, doada pelo município.
A ampliação do presídio de Alfenas, também no Sul de Minas, irá resultar em mais 306 vagas. O presídio de Itajubá, outra unidade no Sul de Minas, também será ampliado, passando a contar com mais 306 vagas.
Já o presídio de Divinópolis, no Centro-Oeste, terá ampliação de 306 vagas. Para o presídio de Montes Claros (Norte de Minas) serão mais 210 vagas.
A expectativa é de que as primeiras obras comecem dentro de três meses.
Próximos editais
Com um total de 3.745 novas vagas, os nove editais restantes serão lançados em até 30 dias e deverão ser investidos cerca de R$ 113 milhões. Serão construídos nove presídios nos municípios de Ubá (388 vagas), Iturama (388 vagas), Machado (388 vagas), Lavras (388 vagas), Pirapora (388 vagas), Barbacena (388 vagas), Esmeraldas (603 vagas), além de duas unidades femininas, uma em Pará de Minas e a outra em Uberlândia, com 407 vagas cada.
Até 2015, o Plano Mineiro vai ampliar o sistema prisional em 14.900 vagas – um incremento de 47% do total de vagas existentes hoje (31.487). Isso porque, além das construções e ampliações anunciadas nesta terça-feira, há ainda a entrega de três unidades do Complexo Penitenciário Público Privado (CPPP), em Ribeirão das Neves, construção de sete novas Associações de Proteção e Assistência aos Condenados (Apacs) em Montes Claros, Itabirito, Tupaciguara, Barbacena e Manhumirim, Uberlândia e Alfenas, duplicações de quatro unidades prisionais (Unaí, Governador Valadares, Ipaba e José Maria Alckimin, em Ribeirão das Neves) e implantação de cerca de três mil tornozeleiras eletrônicas.
Também participaram da solenidade da criação do plano o secretário de Defesa Social, Rômulo Ferraz, o secretário de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social, Cássio Soares, os comandantes das forças de segurança do Estado, coronel Márcio Martins Sant'Ana (Polícia Militar), Cylton Brandão (Polícia Civil) e o coronel Sílvio Antônio de Oliveira Melo (Corpo de Bombeiros Militar), prefeitos de municípios beneficiados, parlamentares, além de integrantes do Sistema Prisional.

Fonte: Agência Minas

COMENTÁRIOS

Atingidas pela chuva, Governador Valadares e Ipaba vão receber R$ 4,725 milhões

A Secretaria Nacional de Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional, autorizou a liberação de cerca de R$ 4,725 milhões para duas cidades mineiras atingidas pela forte chuva de dezembro do ano passado. As portarias que permitem os repasses de recursos foram publicadas na edição desta quarta-feira (12) do Diário Oficial da União.

Governador Valadares vai receber R$ 4,707 milhões e, Ipaba, R$ 18,6 mil. Os recursos serão destinados às ações de socorro, assistência às vítimas e restabelecimento de serviços essenciais. Os municípios decretaram situação de emergência.

Os temporais em Minas deixaram 22 mortos, mais de 33 mil pessoas desalojadas e 17 mil desabrigados. Mais de dez mil casas foram danificadas e, 652, destruídas.
Fonte: Agência Brasil

COMENTÁRIOS

Suspeito de acender rojão que matou cinegrafista é preso em pousada na Bahia

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu, na madrugada desta quarta-feira, o suspeito de acender e soltar o rojão que atingiu e matou o cinegrafista Santiago Andrade, durante protesto no Rio de Janeiro. O auxiliar de serviços Caio Silva de Souza, de 23 anos,  estava em Feira de Santana, na Bahia, hospedado em uma pousada próximo à rodoviária da cidade. A prisão ocorreu por volta das 2h e ele não resistiu.  

Logo após a prisão, Caio foi levado pela equipe da Polícia Civil para o aeroporto de Salvador, de onde iria seguir para o Rio de Janeiro.
A ação da polícia foi acompanhada pelo advogado do suspeito, Jonas Tadeu, que também defende o outro acusado de participação no crime.

Caio Silva de Souza teve a prisão temporária de 30 dias decretada na noite dessa segunda-feira.  Desde então, era considerado foragido.
(Caio foi preso na Bahia/ Reprodução)
Fonte: Rádio Itatiaia

Seguidores