Mulher é presa em Caratinga suspeita de praticar furtos em comércios da cidade


última modificação 30/07/2012 fonte: Super canal
Com ela a PM encontrou roupas infantis e uma par de calçados

Na tarde desta segunda-feira (30/07) a Polícia Militar de Caratinga prendeu Sirlene Amélio Loures Franco, de 43 anos de idade. A moça que mora em Engenheiro Caldas passou por algumas lojas de Caratinga e é suspeita de furtar seis peças de roupas infantis e um par de sandália. Sirlene alega que as roupas foram compradas por uma sobrinha e que até então não tinha sido localizada para apresentar o cupom de pagamento das peças. Sobre a sandália, a moça disse que foi um engano. Erro este que foi flagrado pelo sistema interno de segurança de uma loja de calçados que fica no Centro de Caratinga.
A sandália furtada nesta segunda-feira custava aproximadamente R$ 150. As imagens cedidas pela própria loja mostram o exato momento que Sirlene entra no estabelecimento, olha os calçados que estão em exposição pelo corredor. Pede a vendedora para experimentar alguns modelos e quando está sozinha observa se alguém está olhando para ela. Despistadamente ela coloca um pé da sandália e logo em seguida o outro dentro desta sacola vermelha. Sirlene pega a bolsa, levanta e sai da loja.
Sirlene que não quis gravar entrevista disse para a nossa equipe de reportagem que tudo não passou de um engano. Pela manhã ela iria até a Casa de Saúde fazer um exame e pediu para a vendedora que guardasse o calçado e depois retornaria para comprar. Foi então que ela colocou o par de sandálias na bolsa. Isso é o que mostra as imagens.
De todas as peças encontradas com Sirlene apenas um conjunto de roupa não foi identificado a procedência. Os militares não sabem em qual comércio ela teria comprado a peça. As demais roupas e o calçado já foram comprovados a origem e serão entregues aos respectivos estabelecimentos.


..::DEIXE SEU COMENTÁRIO::..

Pagina Desativada! Noticias Atualizadas acesse nossa pagina no face

Acesse

Últimas Notícias atualizadas acesse nossa pagina no facebook